Beroseg Plus 50ml

Plus 50ml
R$ 22,57
à vista no depósito/transferência com 5% de desconto


Descrição
 

Beroseg Plus apresenta na sua formulação especial o diaceturato de diminazeno, eficaz no combate ao Trypanosoma congolense, Trypanossoma vivax, Trypanossoma brucei, Babesia bigemina, Babesia bovis, Babasesia canis, causadores, respectivamente, da Tripanossomose (mal das cadeiras) e Babesiose (piroplasmose). A vitamina B12 (cianocobalamina) auxilia no combate à anemia, enquanto que o analgésico antipirina (fenazona) proporciona maior conforto ao animal. Beroseg Plus é indicado para Bovinos e Eqüinos no tratamento da Babesiose (Tristeza bovina) e Tripanossomose (Mal das Cadeiras). Babesiose: Bovinos (Babesia bigemina, Babesia bovis) Eqüinos(Babesia equi, Babesia caballi) Tripanossomose: Bovinos (Trypanosoma brucei, Trypanosoma congolense, Trypanosoma vivax) Eqüinos(Trypanosoma brucei, Trypanosoma congolense, Trypanosoma vivax)

Dosagem:
1. Bovinos: a dose recomendada é de 1mL de Beroseg Plus para cada 10kg de peso corporal, equivalente a 4,0mg de Diaceturato de diminazeno por kg de peso corporal, 40mg de Fenazona por kg de peso corporal e 4µg de Cianocobalamina por kg de peso corporal. 2. Eqüinos: a dose recomendada é de 1,5mL de Beroseg Plus para cada 10kg de peso corporal, equivalente a 6,0mg de Diaceturato de diminazeno por kg de peso corporal, 60mg de Fenazona por kg de peso corporal e 4µg de Cianobalamina por kg de peso corporal. Geralmente uma só aplicação é suficiente para o tratamento da tripanossomose e babesiose, porém, na persistência dos sintomas, uma segunda aplicação pode ser administrada de 48 a 72 horas após a primeira, de acordo com orientação do Médico Veterinário. Na tripanossomose causada pelo Trypanosoma brucei, a dosagem recomendada é de 2,0mL de Beroseg Plus para cada 10kg de peso corporal.

Administração:
por via intramuscular profunda.

Precauções:
• Doses volumosas deverão ser divididas, não ultrapassando 10mL por ponto de aplicação. • O produto não apresenta efeitos colaterais nas doses recomendadas. Os casos de hipersensibilidade ao diminazeno são raros e transitórios, desaparecendo com a suspensão do tratamento. Contra Indicações: • Não aplicar em vacas leiteiras lactantes. • Não administrar o produto por via endovenosa. • Não aplicar em animais com hipersensibilidade ao diminazeno e/ou antipirina. • Não aplicar em animais com insuficiência renal e hepática. Efeitos Colaterais: • O diminazeno é bem tolerado na dose indicada, porém, raramente, os animais poderão apresentar tremor muscular, salivação, queda de pressão sangüínea e pulso acelerado. Nesses casos suspender imediatamente as aplicações; o tratamento sintomático deve ser de acordo com o atendimento do médico veterinário. • Podem ocorrer reações locais após a aplicação, principalmente em eqüinos.Períodos de Carência: Carne: Não destinar a carne e derivados dos animais tratados para o consumo humano antes de decorridos 30 dias após a última aplicação.